Sonhos de uma noite paulistana

A noite passada foi a primeira das muitas que vou passar por aqui em São Paulo. O engraçado é que há tempos eu não dormia tão bem…

Acordei completamente descansado na manhã seguinte. Até tive um sonho esquisitíssimo: sonhei que estava escrevendo aqui no blog, e o post era intitulado “Top 5 razões pelas quais a Microsoft é uma empresa de ponta”. No post eu tecia elogios à empresa de Bill Gates, e ficava repetindo pra mim mesmo: “Puxa, olha só, como eu não havia pensado nisso antes”…

Durante o dia eu até tentei lembrar quais eram os argumentos que me faziam pensar assim. Não consegui.

Estou achando o máximo esse ambiente de emissora. Sempre tem alguma coisa diferente pra ver. A novidade do dia foi passar por um estúdio do telejornal e ver o apresentador, todo maquiado. Na TV nem dá pra notar mas, ao vivo, um homem maquiado é muito, muito gay…

E aquela frase clássica que diz “você parecia mais bonito na tevê” é totalmente verdade.

Na segunda feira, quando o avião se aproximava da pista de pouso de Guarulhos, levei um susto ao ver a quantidade de heliportos no topo dos prédios. Por sinal, logo ao lado da sala onde trabalho fica o heliporto da emissora, que recebe gente umas duas ou três vezes por dia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *