8 dicas de um ex-atendente de call center para você ser bem atendido em um serviço 0800

Dia desses, discutindo o assunto deste post no Fórum HardMOB, um ex-atendente de call center deu dicas preciosas de como lidar com os atendentes e fazê-los “estar resolvendo” seu problema sem muito stress. São essas aí embaixo (reproduzidas com a devida autorização – valeu, Fidel!):

Não tente brigar com o atendente, ele não tem culpa e brigar só vai piorar as coisas… pro seu lado.

Não se mostre TÃO bobão e gentil com atendentes, eles nao valorizam isso; pelo contrário, não surte efeito de “pressão” para resolverem seu problema.

Seja objetivo, preciso, mostre-se bem informado.

Não faça ameaças aos atendentes ou mencione seu “poderoso grau de influência”: normalmente colocamos no mudo e damos risada neste momento.

Quer que resolvam o problema? Anote tudo que o atendente está falando, peça prazo, anote horário, nome, etc… e ligue cobrando.

Seja educado. Nem muito, nem pouco, apenas educado o suficiente.

Se não resolver, mande um email descritivo para o “tronco de email” do departamento certo, por exemplo: suporte@terra.com.br. Nunca mande email de reclamação para algum email pessoal pois não vai causar o efeito desejado e pode até se perder. Normalmente estes emails-tronco vão com cópia para gerentes, coordenadores e, dependendo, até diretor.

Caso nada disso surta efeito, fale com a parte frágil e mais importante da empresa: a área comercial. Ligue esculhambando o suporte ou atendimento e fale que quer e VAI cancelar. Essa é batata, os departamentos responsáveis vão tomar uma comida e seu problema será resolvido mais rápido

8 comentários sobre “8 dicas de um ex-atendente de call center para você ser bem atendido em um serviço 0800”

  1. lhei por 3 anos como atendente e sou obrigado a discordar de uma coisa: a educação sempre é boa. Quanto mais educado vc for maior é sua chance de ser atendido. Então procure sempre ser o mais educado possivel. Funciona.

  2. Como cliente e ex-atendente eu confirmo que cada dica da lista ajuda mesmo.

    Eu acrescentaria mais uma:

    Não fique perguntando se o atendente ainda está na linha – Ele já atendeu sua ligação e deixou no mudo enquanto está registrando ou conferindo seus dados no sistema. Ficar chamando a cada 5 segundos só vai fazer seu atendimento demorar ainda mais. Alem disso, eles mesmos são orientados a dar sinal de vida caso tenham que te pendurar por muito tempo.

    FLWS!!!

  3. Uso de educação mas sem exeder o limite,tem alguns deles que são pouco objetivos,deve ser um meio de vender o produto, enrolam demais,e as vezes soltam risadas sem colocar no mudo.
    Odeio enrolar no telefone e ainda tenho que tirar um tempo para ouvir risadinhas… ainda bem que não são todos assim as vezes tenho sorte de falar com um normal.

  4. Eu também ja trabalhei um bom tempo com tlmkt, e te falo: cliente sem educação só se ferra. Se já chegar estressadinho, é claro que vai passar mais raiva! eheheh

  5. eu trabalho em telemarketing, e concordo, para fazer alguma solicitação ou reclamação o importante eh falar d forma objetiva e clara, e nao perder tempo contando a historia do ocorrido… e vc pode ainda ter ligado no setor errado.

  6. Sou atendente de call center e acho que educação é muito importante,assim como objetividade. Os clientes “esquecem” que estamos trabalhando e temos um script para seguir,não falamos como robos porque gostamos e muito menos ficamos sentadas lixando as unhas,como alguns imaginam. É um trabalho estressante e merece respeito.

  7. Discordo de algumas coisas, acredito que o rapaz emq uestão se refere à pessoas que trabalham em call center apenas para “passar o tempo”, ignora que há pessoas que precisam do emprego, que querem fazer carreira naquele contact center, há os “certinhos” que acham legal fazerem o trabalho direitinho, há os que gostam de lidar com pessoas e de trabalhar em call center, ou seja, há inúmeros tipos de pessoas.Educação:quanto mais educado o cliente/a for mais atenção receberá desses tipos de atendentes que são profissionais de verdade.

  8. discordo de algumas coisas aí, eu sempre tento resolver com agilidade e determinação os problemas dos clientes q ligam e são educados, já dos q são arrogantes, não emprenho boa vontade nenhuma em resolver o problema da mesma.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *