As imagens que marcaram a semana

…bem, pelo menos a MINHA semana.

Treinamento

Esse aí em cima sou eu, no modo “Prof. Primo”, dando um treinamento no Rio de Janeiro na última sexta-feira. Seria a foto de um dia normal, não fosse este o meu último dia de trabalho deste ano de 2008.

Eu esperei muito, e ansiosamente, por este dia.

Se me pedissem para definir este ano em uma palavra, seria “stress”. Foi o primeiro ano morando em São Paulo, teve o fiasco do projeto na Espanha, tem o projeto atual que está absurdamente estressante e que, quando não me dá insônia, me manda pra lugares nunca imaginados desse Brasilzão de meu Deus. Eu ando até com medo de ler meus e-mails, minha caixa de entrada parece a terceira guerra mundial: só cai bomba. Então foi com um alívio ABSURDO que eu entrei no avião no final da sexta-feira e iniciei, oficialmente, um período de duas semanas de férias entre o natal e o ano novo.

Falando em natal, Papai Noel (ou seja, minha esposa) foi bastante condescendente com meu stress. Ela, que já havia acertado a mão no meu presente de aniversário, resolveu seguir a tendência de presentes “nerd-gamer” no natal e, portanto, agora sou o feliz proprietário de nada menos do que um Playstation 3!

Playstation 3

E mais: na vida real eu ainda viajo de férias para passar uns dias na praia, mas no virtual eu estou adorando minhas férias em Liberty City, a cidade do espetacular Grand Theft Auto IV

Eu sabia que o GTA IV era detalhado, mas não sabia que era TÃO detalhado, tanto que o jogo acompanha um mapa da cidade e um guia das “atrações turísticas”…

gta4

Bom, está na hora de mais um, er, city tour em Liberty City. Só devo voltar a postar aqui ano que vem, então desejo a você, querido leitor, boas festas e feliz ano novo!

P.s.: No dia 25, lembre-se que a coisa toda não se resume a Papai Noel e dê os parabéns ao aniversariante. Mesmo que seja em um breve pensamento.

3 comentários sobre “As imagens que marcaram a semana”

  1. Ué Esparroman, no post que você menciona eu não condenei a troca de presentes nem nada, apenas o consumismo desenfreado e o fato do pessoal esquecer o que é, realmente, o natal e nem se lembrar de Jesus Cristo na época.

    P.s.: O “coronel” da foto tava até armado 🙂

  2. Que legal! Sabia que o PS3 era completo, mas daí a vir com relógio junto foi demais!
    (Brincadeira, não vai colocar isso como uma perola dos comentários)
    Mas estou contigo, não há nada de errado em trocar presentes, como um gesto de aproximação, não como obrigação; consumismo desenfreado é o fim!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *