Uma imagem para a blogosfera brasileira

 blogueuse

Entre outras coisas, porque eu cheguei à CampusParty para conhecer outros blogueiros e vários me entregaram cartões de visita. Porque eu saí com eles pra tomar cerveja e ouvi comentários do tipo “cheguei a 5000 visitantes/dia em um ano”. Porque uma blogueira vendeu espaço de publicidade na roupa, e alguns outros escreveram suas URLs na própria pele e posaram para fotos.

(De antemão peço desculpas se ofender alguém. Não é a intenção. Mas eu precisava dizer isto)

Sete coisas inusitadas para fazer na Campus Party

Eu fico surpreso com o tanto de gente que não entende o que a gente veio fazer na Campus Party. Neguinho acha que a gente veio apenas ficar mexendo na internet de 5GB com outros 3000 nerds. Mas tem muito mais coisa pra fazer. Algumas delas são bem inesperadas, como…

1) Fazer uma tatuagem

Calma, não é em você, é no seu notebook ou no gabinete do seu PC. Cortesia da CCE, um dos patrocinadores.

20080212

2) Dar porrada em George Bush

Essa, infelizmente, é virtual. Mas pelo menos você descarrega a frustração golpeando de verdade para bater no Kick Ass Kung Fu. Uma câmera capta os movimentos e transmite pro jogo. A treta é tão séria que deu até no Fantástico.

20080212_2

Hmm, bem que podia sair uma versão com o Lula…

3) Brincar de Björk

Sabe a Reactable – o “instrumento musical colaborativo” que Björk usa nos seus shows? Está exposto num dos stands da área aberta. Minhas fibras de “nerd músico” piram com essas coisas…

20080212_3

4) Aparecer na TV/rádio/jornal

A cobertura da imprensa está absurda: o tempo todo tem gente passando com câmeras, gravando entrevistas e o escambau. Hoje mesmo me contaram que estou na telinha do Globo – veja bem, não é “da” globo, é do portal do jornal O Globo mesmo…

20080212_5
Clique para ampliar. Eu sou o de cinza, com a mão no queixo, do lado oposto da mesa…

5) Ganhar coisas legais

Não, não estou falando de brindes. Tem coisa legal MESMO. Um exemplo: o stand do Flickr está dando 1 ano de conta pro de graça! Já vi umas quatro pessoas diferentes que ganharam (além de mim, obviamente).

E depois de tanta agitação ainda dá para…

6) Receber uma massagem

É sério! No stand da telefônica tem massagistas à disposição dos campuseiros. É uma boa pedida pro pessoal que está se contorcendo pra conseguir dormir nas (mini)barracas.

20080212_4

Por último, um apelo à solidariedade…

7) Dar um abraço no Tux

Ele merece…

20080212_6

Vale uma olhadinha no Flickr para acompanhar o resto do evento…

www.flickr.com

Campus Party – Primeiras impressões

O pavilhão da Bienal está lentamente se enchendo…

Eu comi mosca no horário de credenciamento (12h, eu achei que era 10h), o que foi ótimo porque serviu para pegar menos filas. Porque o que está rolando aqui hoje é fila!

20080211
Fila pra entrar…
20080211_2
…depois fila pra credenciamento

As fotos acima são do Rafael Apocalypse, que aproveitou para fazer um ativismo digital em frente ao stand do Flickr

Temos três streams ao vivo só na mesa onde estou sentado: O do Pedro Villalobos, o do RafaCST e o do Marco Gomes. Como não tem nada oficialmente preparado na programação para este primeiro dia, o pessoal está é aproveitando para se conhecer ao vivo e navegar na internet rápida.

Acompanhe ao vivo também no LiveStream do BlogBlogs e nas fotos do Flickr.

Campus Party já está sendo montado no pavilhão da Bienal

Campus Party - Stands sendo montados

Ontem à noite eu e Bethania levamos Pavlov para passear no Ibirapuera. Aproveitei para tirar umas fotos (de celular, ou seja, toscas) da montagem da infraestrutura pro Campus Party, que começa dia 11.

Pelo que vi, a parte de baixo do pavilhão da Bienal deve ser a parte “expo” do evento – a que terá stands de empresas mostrando suas novidades.

Stand do Campus Party
Stand da Microsoft sendo montado (veja os bonequinhos do MSN ali no meio)

Stand do Campus Party
Stand não identificado (esse vermelho aí seria de quem?)

Como eu ainda nem falei de Campus Party aqui no blog, acho que devo umas explicações: o evento – realizado na Espanha desde 1997 e que acontece pela primeira vez no Brasil este ano – já está sendo chamado de “nerdstock”, “enorme acampamento hippie-tecnológico” e até “coisa de nego atoa que não tem trabalho”. Mas na verdade é o evento do ano para quem curte internet e tecnologia: 3000 pessoas e seus PCs, acampados por sete dias no pavilhão da Bienal, com um link internet de 5GB à disposição e uma programação cheia de palestras, oficinas, eventos, competições e outras coisas legais.

Campus Party - Área de credenciamento  20080205_6
Pessoal colocando lona no chão de onde deverá ser a área de credenciamento – descobri por causa do papelzinho (dir.) pregado em um fio de telefone, pendurado bem em cima do lugar.

As vagas já esgotaram, mas minha inscrição, que estava em lista de espera, já foi feita. Estarei lá quase todos os dias (sexta e sábado eu viajo a trabalho para Santa Catarina), então podem esperar “live blogging” tanto no meu Twitter quanto aqui.